Gêmeas, 1 ano e 5 meses
São Paulo/SP – Online

“Chegou a minha vez de falar sobre a titia Betina, um ser cheio de luz e paciência que trouxe a nossa vida de volta! 

A maternidade traz muitas inseguranças, desafios e principalmente transformações e a gente precisa entender o momento de pedir ajuda, aliás, acolhimento e ajuda é tudo o que os pais precisam nesse momento delicado. 

Eu fui muito resistente e me cobrava quando decidi pedir ajuda, porque era como se eu tivesse fracassado como mãe. Mas ninguém nasce sabendo tudo e por mais que os pais tenham instinto, não sabemos lidar com todas as situações. É muita coisa e muita cobrança! De fora e de nós mesmos. Ainda mais com gêmeos. Sempre precisamos estudar e buscar melhores alternativas pra criação dos nossos filhos. Então precisamos aceitar e sempre buscar ajuda quando algo fica fora no nosso controle ou do nosso entendimento. E foi o que fizemos, buscamos ajuda, aliás, recebemos a indicação da Betina de um casal que por coincidência encontramos no shopping. Foram aqueles encontros do destino, sabe? E posso falar? Foi o melhor investimento que fizemos! A privação do sono é umas das piores coisas! Ficamos extremamente irritados e cansados e o casal acaba brigando por qualquer coisa e fica insustentável o relacionamento, tanto do casal quanto com os filhos, porque acabamos descontando a nossa frustração neles.

A Betina foi muuuito paciente e sempre orientou a melhor forma de acordo com a aceitação das nossas filhas, tudo no tempo delas e pra elas. E esse é o diferencial! Cada criança tem o seu jeito e o seu tempo de aceitar mudanças, e como temos 2, vimos bem o que dava certo pra uma e pra outra. Demorou mais tempo que o normal, pq a nossa consultoria foi uma aventura hahaha passamos por várias doenças, cirurgia, reformas, mudança do quarto nosso para o delas, tivemos recaídas (na verdade mais da mãe do que as filhas) e tudo isso foi colocado à prova a consultoria e o quanto uma rotina faz toda diferença. Amigos e familiares que conheciam as bebês antes da tia Betina, falaram que era nítida a diferença de comportamento delas. Estão mais obedientes, menos birrentas, mais alegres e muito muito mais tranquilas. E se começam a ficar chatinhas, já sabemos o que é de acordo com o horário. Elas ganharam qualidade de vida e de sono e nós tivemos a nossa vida de volta, sou eternamente grata titia Be! “